.

.
.

segunda-feira, 30 de abril de 2018

Futsal Fem. - 1.ª Div. Nac./FC: CR Golpilheira, 2 - Nun'Álvares/IESFafe, 3 (Mostrar serviço)

Texto e foto (arquivo): João Carlos Lopes 

Condestáveis foram à Batalha para ganhar  

As seniores do Grupo Nun'Álvares/IESFafe foram à Batalha mostrar que não estão na fase final do campeonato Nacional da 1.ª Divisão por acaso e conquistaram uma importante vitória por 3-2, com a guardiã Belinha a ser preponderante na defesa do resultado.   


Grande entrada na partida por parte do Grupo Nun'álvares/IESFafe com uma boa dinâmica ofensiva e grande coesão defensiva o que surpreendeu a equipa do Golpilheira e que fez com que a equipa fafense criasse inúmeras ocasiões de golo. Foi com alguma naturalidade que as Condestáveis ainda antes dos 10 minutos de jogo chegaram ao 0-2 por intermédio de Mafalda e Liana.

As alvarinhas continuaram na mesma toada, contudo e contra a corrente do jogo o Golpilheira reduziu para 1-2.

As meninas do Grupo acusaram um pouco o golo e deixaram empatar o jogo a dois já perto do Intervalo resultado que penalizava muito a ineficácia da equipa fafense.

Em toda a segunda parte o Grupo Nun'álvares/IESFAFE manteve a intensidade de jogo e fez por se adiantar no marcador dispondo de várias ocasiões de golo. A equipa do Golpilheira também dispôs de algumas ocasiões mas a guardiã Belinha esteve sempre à altura do acontecimento.

À entrada do último minuto da partida o GNA/IESF conseguiu finalmente desfazer a igualdade com Mafalda a finalizar uma bela jogada coletiva.

Grande vitória da equipa do grupo Nun'álvares IESFAFE no reduto de uma das melhores equipas portuguesas e que fez por vender cara a derrota. Com esta vitória o Nun'Álvares sobe assim ao sexto lugar da classificação com os mesmos pontos da equipa da quinta dos Lombos e mais dois pontos que o Santa Luzia.

Juniores - 2.ª Div. Nac.: Mondinense FC, 1 - AD Fafe, 1 (Na luta)

Texto e foto (arquivo): João Carlos Lopes 

Golo de André não chegou para a vitória 

Os juniores da AD Fafe foram até ao sopé do Monte Farinha, em Mondim de Basto, empatar com o Mondinense FC a uma bola, numa partida em que mais que ganhar interessava não perder com um adversário directo na luta pela manutenção. Ainda assim a equipa de Nuno Guimarães tem apenas mais dois pontos que o opositor com quem tinha empatado em casa pelos mesmos números com a equipa de Basto a ter menos uma partida realizada. 


A turma de Basto não podia ter entrado melhor no jogo. Aos 5’, numa bola batida para área, houve mau corte de defesa fafense, Luís ainda defendeu o primeiro remate, mas no segundo o avançado da casa fez o 1-0. 

Aos 16’ Miguelito, cruzou para Carlos, nas alturas, cabecear ao lado. Aos 32’, novo cruzamento de Miguelito, para Diego cabecear mas a para nas mãos do guarda-redes. 

No primeiro minuto da segunda parte, a equipa fafense conquistou um canto que Rafa bateu para corte defesa, sobrou para Miguelito que rematou forte para defesa do guarda-redes da casa. Aos 53’, Rafa bateu um livre para surgir André a cabecear e a bola passar muito perto do poste. 

Aos 66’, João recebeu de André, fintou o adversário e picou bola sobre a defesa à procura de Diego, que recebe orientado e remata cruzado para enorme defensa do guarda-redes. Respondeu a equipa da casa, bola para a área, mau corte da defensiva fafense surgiu o remate mas Luís a defender.

O empate chegou aos 72'. Rafa cobrou o Canto, André nas alturas a cabecear certeiro, desta vez sem hipótese de defesa (1-1). Logo de seguida, Diego driblou o adversário e foi derrubado, pediu-se o segundo cartão que daria a expulsão do defensor da casa, mas o árbitro a não anuir. O livre foi cobrado por Rafa, mas acabou por  sair demasiado longo. 

Aos 78’, Rafa assistiu Diego, que rematou rasteiro mas defendeu mais uma vez o guardião mondinense. Aos 86’, o Fafe ficou reduzido a dez elementos, por duplo amarelo. Livre frontal para Luís a socar para longe. 

Antes do final do jogo Cardoso recebeu no meio e na cara do guarda-redes rematou com a bola a passar por cima.

Segue-se agora uma deslocação difícil ao campo do líder, Vizela. 

Para o técnico fafense, Nuno Guimarães, “na nossa primeira parte cometemos erros que nesta altura não podíamos cometer. Na segunda, foi completamente diferente, a equipa transformou-se e entrou determinada em conseguir a reviravolta e vencer o jogo. O guarda-redes do Mondinense foi determinante para que conseguíssemos apenas o empate. Voltamos a ser penalizados com uma expulsão. Num lance anterior o central da casa derrubou o meu avançado que ficava enquadrado com a baliza e não viu o segundo cartão amarelo mas com o meu jogador o árbitro não foi tão condescendente. Para a semana temos mais um jogo de muita luta, onde temos que por toda a nossa garra em cada disputa pela bola.”

Andebol 1: CD S. Bernardo, 28 - AC Fafe, 28 (Do mal o menos)

Texto: Diogo Gonçalves / Fotos: Ruiva Rodrigues 

Segundo empate consecutivo nos últimos segundos 

O Andebol Clube de Fafe foi até ao Gimnodesportivo de São Bernardo, um Pavilhão complicado onde ainda nenhuma equipa nesta Fase Final conseguiu vencer. Um jogo difícil para os fafenses que conquistaram os dois pontos novamente nos últimos segundos como havia acontecido na jornada anterior frente ao Arsenal.

O AC Fafe entrou melhor na partida e aos 6 minutos vencia por uma diferença de 2 golos. A equipa de Ricardo Guimarães estava a conseguir boas ocasiões para marcar e a nível defensivo estava muito bem. Nuno Silva aos 10 minutos da partida já tinha feito quatro defesas, duas de contra-ataque travando a equipa do S. Bernardo e a passagem desta para a frente do marcador. 

Aos 18 minutos o treinador da equipa local, João Alves, pediu um tempo técnico para fazer ajustes na sua equipa. Esse desconto de tempo surtiu efeito e a equipa do S. Bernardo conseguiu passar para a frente do marcador aos 22 minutos depois de um contra-ataque de João Oliveira que fez o 11-10. Até ao final dos primeiros 30 minutos o ACF ainda esteve a perder por 4 golos de diferença mas o resultado no final era 15-12. 

Na segunda parte o AC Fafe nunca conseguiu estar na frente do jogo. A equipa do S. Bernardo estava na frente ao então com a partida empatada. A meio da segunda parte o resultado era de 20-18 e quando apenas faltavam 10 minutos para o final, os fafenses perdiam por 24-21. Ricardo Guimarães voltou a pedir "time-out" e a equipa respondeu com um empate aos 56 minutos. Ainda não estava decidido em mais um jogo de fortes emoções e aos 59 minutos o S. Bernardo estava na frente por um golo 28-27. Mesmo nos últimos segundos o pivô do ACF Virgílio Pereira conseguiu fazer o golo do empate (28-28). Este que é o segundo empate consecutivo do AC Fafe, 6.º classificado que continua a um ponto da linha de água e a 1 do 5.º classificado.

Vasco Santos esteve em destaque na partida com 8 golos apontados, Paulo Vinícius conseguiu seis.

São Bernardo: Emanuel Ribeiro, Fábio Castro, Tiago Sousa (3), Hélder Carlos, Augusto Pereira, João Valente (2), Ulisses Ribeiro (2), Jonas Alves (6), Jorge Justino (3), Filipe Silva, Ricardo Queirós (6). Leandro Rodrigues (2), João Oliveira (3), João Pinho, João Vilar, Diogo Elkan e Tiago Gonçalves (1). Treinador: João Alves.

AC Fafe: Tiago Gonçalves, Vasco Santos (8), Miguel Fernandes (3), Paulo Vinícius (6), Reyniel Nelson. Ricardo Ávila, Nuno Pimenta (4), Virgílio Pereira (2), Nuno Silva, Tiago Ribeiro, Raul Roque (2), Mário Pereira (2), Carlos Madureira, Josh da Silva e Luís Pereira (1). Treinador: Ricardo Guimarães.

Remontada épica dos Benjamins B do OFC Antime de 4-0 para 4-5


REDAÇÃO

"Aqui ninguém corre sozinho. Corremos todos juntos"

Leia o texto na primeira pessoa e nas palavras de quem viu e sentiu de muito perto esta reviravolta épica de um jogo 

"Não podia deixar de comentar o que se passou no jogo Vieira SC vs OFCA.

GANHAMOS!!!! Num jogo onde aos 10 segundos já tínhamos 1 golo sofrido, aos 5 minutos 2 golos sofridos e ao fim do primeiro tempo 4 GOLOS SOFRIDOS.

Mas enganaram-se aqueles que pensaram que tudo estava perdido... Recolhemos ao balneário tivemos uma conversa séria entre 14 adultos e resolvemos ali todas as nossas diferenças, e concluímos que só a vitória da equipa interessava. 

Já sofremos tanto esta época também temos o direito de sermos felizes, não?... 

É por isso que aqui ninguém corre sozinho. Corremos todos juntos, suamos e chutamos como se fossemos só UM. Estamos unidos por um e só um nome... OFCA. Perdermos o medo e lutamos pela nossa camisola... e minuto após minuto, golo após golo fomos construindo sob a nossa união e escutando sempre o nosso grito na cabeça, QUEM GANHA, QUEM GANHA QUEM GANHA... OPERÁRIO OPERÁRIO OPERÁRIO, o resultado que só nos interessava.

Hoje ganhava o OPERÁRIO F.C. ANTIME ou não ganhava ninguém".

domingo, 29 de abril de 2018

1.ª Div. AF Braga: ACD Pica B, 0 - Desportivo Arco de Baúlhe, 1 (subida garantida do Arco)


Texto: João Carlos Lopes / Foto: DR

Arcoenses chegam ao 1.º lugar com a ajuda do Fermilense 


O Desportivo Arco de Baúlhe, treinado pelo fafense José Manuel Teixeira, fez a festa da subida à Divisão de Honra no campo da ACD Pica, depois de vencer a equipa B dos piquenses por 1-0, golo marcado por Ricardo Alves (Preto). Esta é a segunda subida consecutiva do treinador fafense. 

Para a equipa de Basto, este foi um jogo épico em que "conquistaram a Honra", mas mais que isso, beneficiaram da escorregadela do Guilhofrei que perdeu no Campo da Rasa com o Fermilense treinado por outro fafense, Marcelo Fernandes, por 2-1, para chegar ao 1.º lugar, posição que nunca deixaram de perseguir. 

A formação do Arco considera ter agora duas finais pela frente. "Dependemos de nós para sermos campeões". Para isso contam com o seu público ao qual agradecem "a todos os sócios, patrocinadores e em especial a todos os adeptos que se deslocaram à Pica e golearam na bancada."

No Arco de Baúlhe, além de José Manuel Teixeira, estão ainda Júlio Alves, Rui Ferruge, Samu e Celso Cunha.  

1.ª Div. AF Braga: GCR Rossas, 2 - GD Silvares, 1

Texto: João Carlos Lopes / Foto: DR 

Silvares deu muita luta 

O GD Silvares foi a Rossas perder por 2-1 no melhor jogo da equipa desde a chegada do treinador Ismael Sousa a S. Martinho. 

A equipa fafense bateu-se bem com a formação de Vieira do Minho e isso levou a partida empatada sem golos para o intervalo. 

Na segunda metade foi o Rossas a inaugurara o marcador, Ratão empatou de grande penalidade para o Silvares mas a equipa da casa nem deixou saborear o golo silvarense tendo feito o 2-1 logo de seguida

Equipa do OFC Antime no jogo com o GCD Regadas - Div. Honra 2017/18 (28-04-2018)


Equipa do GCD Regadas no jogo com o OFC Antime - Div. Honra 2017/18 (28-04-2018)


Cepanense teve liberdade para subir ao pódio várias vezes em Pevidém

Texto: Silva & Lopes 

Atletas da Tuna levaram a boa música a Pevidém


No passado dia 25 de Abril, “dia da Liberdade”, os atletas cepanenses foram até à Vila de Pevidém participar no Grande Prémio de Atletismo Vila de Pevidém, onde conquistaram vários pódios e espalharam charme e boa disposição, ao ponto de outros atletas afirmarem "A uma equipa como a vossa e comeste espírito de alegria e convivência" as organizações ainda vos deviam pagar em vez se serem vocês a pagar a inscrição".    

Noutros tempos as provas na Vila de Pevidém eram referência a nível nacional e coube agora à Associação "Os Rôtos BTT" e o Clube Recreativo de Candoso, com o apoio da Junta de Freguesia de Pevidém voltar a colocar esta grande prova no mapa do atletismo nacional. Para já participaram cerca de 300 atletas que animaram as ruas da vila, mas pela excelência da organização a tendência é para crescer muito mais no futuro e aproximar a prova dos níveis que teve noutros tempos. Os valores monetários dos prémios eram mjuito apelativos o que deixou muitos atletas satisfeitos. 

A SR Cepanense voltou a deixar marca e além dos pódios nos diversos escalões houve nova conquista coletiva a qual foi sendo brindada com um presunto. Mais um para comer no início da próxima temporada aquando da apresentação da equipa para a nova época. Também o número de atletas e a união vincada que os mesmos demonstram não passam despercebidos a ninguém.   

José Pires foi o atleta cepanense melhor classificado e obteve o tempo de 34:07:78, cortando a meta na 7.ª posição, alcançando o 5.º posto no escalão sénior. Houve outras boas prestações, como a de Albano Seca que terminou em 16.º e foi presenteado com uma subida ao 2.º lugar do pódio no escalão Veteranos 2. Abílio Teixeira obteve o 3.º lugar em veteranos 3 e houve ainda um merecido 1.º lugar para Luís Vilela no escalão veteranos 4.


No setor feminino Cristina Carneiro subiu ao 1.º lugar do pódio no escalão veteranas A terminando a prova na 6.ª posição da geral feminino. O mesmo posto, 1.º lugar no escalão, foi alcançado por Isabel Freitas mas em veteranas B. Em estreia absoluta tivemos Conceição Oliveira que subiu ao 2.º lugar do pódio em veteranas B.

Futebol Popular: GDC Serafão emitiu comunicado sobre o jogo com o Friande de 28/04/2018

REDAÇÃO


"Comunicado - Jogo GDC Serafão Vs Friande de 28/04/2018

"Isto é o princípio do fim do Futebol Popular em Fafe"

Serve o presente para informar o motivo da não realização do jogo supra citado, relativo ao Campeonato Sénior de Futebol Popular, no passado sábado, dia 28/04/2018 no Campo da Chafarica em Serafão. 

Tudo começou com uma deliberação do conselho de Justiça, ou conselho de disciplina da AMAF (pelo que parece são ambos compostos pelas mesmas pessoas), relativamente aos jogos em casa do Serafão: devido ao mau comportamento dos adeptos, foi imposto por este órgão o policiamento aos jogos, assegurado financeiramente pelo GDC Serafão, não indicando onde se basearam para aplicar tal medida.

Após consulta dos regulamentos disciplinares, verificamos que no Artigo 14º, são enumeradas as penas possíveis a aplicar aos Clubes, as quais passamos a transcrever: 

a) Derrota;

b) Interdição temporária de campo de jogos; 

c) Imposição de execução de obras; 

d) Desclassificação; 

e) Baixa de divisão;

f) Multa;

g) Indemnização; 

h) Exclusão das competições; 

i) Impedimento de participar em provas organizadas pela AMAF. 

Em nenhuma das alíneas está previsto o policiamento aos jogos!

Assim sendo, dia 27/03/2018, enviámos um email à AMAF (que ainda estamos à espera de resposta), alertando para esse facto, informando que iríamos assegurar o policiamento apenas aos dois jogos seguintes. Por um lado, porque essa pena não estava prevista no regulamento disciplinar, logo era ilegal. Por outro, não tínhamos dinheiro para policiar os jogos, pois cada jogo custaria mais de 255€ (175€ para policiamento e 80€ para a equipa de arbitragem), incomportável para este tipo de futebol! 

Posto isto, estivemos reunidos na sede da AMAF, para explicar o acima referido, como também para dar conhecimento das obras no campo com o intuito de melhorar a segurança das instalações e dos intervenientes. 

A direcção da AMAF ficou de reunir e analisar o caso, e que compreendiam o exposto. Esperávamos que a AMAF reconhecesse o seu erro e corrigisse a decisão, como é normal nas instituições de bem. 

No dia 25 de Abril, tivemos mais um jogo policiado, em casa. No final, contactámos a AMAF a relembrar que não iríamos ter policiamento para o jogo seguinte, pelas razões já enumeradas anteriormente. A AMAF informou que ainda estavam a averiguar o assunto. 

28/04/2018, dia do Jogo GDC Serafão Vs Friande, como não houve policiamento não houve jogo. 

Isto é o princípio do fim do Futebol Popular em Fafe! 

O Futebol Popular é o futebol do povo, é o futebol dos clubes que não têm recursos para jogar a outros níveis. Com estas atitudes este futebol tem os dias contados. 

Entendemos perfeitamente o comunicado recente do Arões Sport Club, relativamente aos castigos imposto ao clube durante esta época, são incoerentes e irreais.

Relativamente a castigos, relembramos o que foi aplicado ao nosso atleta no jogo da 1ª volta em Friande. Foram 6 meses de castigo, porque no fim do jogo terá confrontado dois atletas do clube adversário… 6 meses??? 

É um momento para reflectir e contar com o apoio dos organismos políticos. Estamos perante actividades de interesse e financiamento público, pelo que todos devem procurar apoiar o futebol popular, criando melhores condições para a prática, assim como melhores condições de segurança, devendo ser imputadas à AMAF. Se esta entidade quer que haja segurança, tem que impor a todos os clubes intervenientes essas garantias e não apenas a alguns.

Lembramos que o GDC Serafão é dos clubes mais antigos desta competição, não está aqui há “meia dúzia de meses”, estamos há cerca de 20 anos! 

O que estão a tentar fazer com este clube é indecente. Estão a passar a imagem de que o povo de Serafão é um bando de arruaceiros. Lembramos que nos jogos em Serafão, nunca houve agressões a árbitros, ou a quem quer que seja... Estas gentes, este clube, estes atletas e os seus órgãos sociais merecem o mesmo respeito que todos os outros. 

Se não querem a nossa presença no campeonato, que nos digam. Nestes anos todos, nunca abandonámos um jogo, e tivemos muitas razões para o fazer. Contudo, nestes últimos 2 anos já houve 4 jogos que não terminaram ou não começaram por abandono das equipas. No desporto isso é que é muito grave: isto sim, é falta de fair-play! 

Mais informamos que a Direcção deste clube irá reunir de urgência para ponderar cumprir os restantes jogos que faltam do campeonato. Pois, depois disto, o desânimo é total.

A Direcção, Conselho Fiscal e Assembleia Geral do GDC Serafão"


CULTURISMO: Rafael Bogarthe sagrou-se vice-campeão Regional em Men`s Physique IFBB Portugal

REDAÇÃO


"Prometo dar tudo de mim para trazer taças para Fafe"

O jovem que começou o seu percurso há muito pouco tempo, iniciou as suas provas como atleta na Power Expo 2017 em fins de Setembro, tendo começado a sua ligação ao mundo fitness desde Abril de 2017, com treinos e alimentação, Rafael Bogarthe sagrou-se vice-Campeão Regional em Men`s Physique IFBB Portugal da sua categoria. 
.
Esta modalidade desportiva requer muita ambição, muito querer e acima de tudo uma alimentação rígida. "Já não como uma francesinha há mais de 3 meses" diz o jovem. 

Rafael tem feito um percurso incrível e em menos de um ano conseguiu alcançar um 5.° lugar no Grande Troféu P2K, e no domingo passado tendo ficado em 2.° Lugar na sua Categoria com os mesmos pontos do 1.° classificado. Segue-se agora o Nacional, e em Setembro começa a 2.ª parte da época. 

É dos atletas com menos experiência em competição, visto que os seus adversários já são atletas de renome, participando já a nível internacional.

Bogarthe tem um sonho, e promete trazer muitas taças para Fafe. "O sonho comanda a vida e prometo dar tudo de mim para conquistar o que quero."

O atleta está a fazer uma ótima prestação, e pretende competir a nível internacional o quanto antes. 

Tendo alguns problemas musculares, enfrentou um mês que quase o impediu de competir este ano, mas felizmente tudo correu pelo melhor!

"Dou o melhor de mim todos os dias, os meus sabem isso, acordo todos os dias com o foco no meu pensamento, e com a vontade que tenho, de vencer, referiu

Div. Honra AF Braga: GCD Regadas, 1 - OFC Antime, 4 (Renhido)

Texto e fotos: João Carlos Lopes 

Operários muito mais eficazes  

O Antime voltou a venceu o segundo dérbi consecutivo, depois de o ter feito em casa contra a Pica, foi a agora a Silvares, campo emprestado do Regadas vencer por 4-1, uma partida que despromoveu matematicamente a equipa reagadense. 

Entrou melhor o Antime no jogo mas foi a equipa do Regadas a marcar logo aos 5'. Rui Rebelo rematou potente de fora da área Tozé defendeu mas na recarga Pauleta fez o 1-0. 

O Antime respondeu de bola parada aos 10', num livre de Diogo ao segundo poste onde Chison rematou por cima. Aos 14', foi Bruninho a rematar ao lado para o Regadas. 

O golo do empate chegou aos 30', num remate colocado à entrada da área, de Castanha, a bater Bertaço. 

O Regadas mostrava-se uma equipa muito combativa, sem nunca desistir dos lances e aos 38', Rui Rebelo aproveitou uma sobra de bola na área para disparar um "míssil" que passou muito rente à barra. 

No minuto seguinte chegou o 1-2 para o Antime num lance em que os regadenses reclamaram falta, mas cuja jogada prosseguiu com Castanha a cruzar ao segundo poste, Bertaço a largar a bola para Chison aproveitar para dar a volta ao marcador. 

O Regadas não desarmou e aos 41' teve nova oportunidade, com Joãozinho a assistir Bruninho e este em boa posição a atirar ao lado. O Regadas terminou mesmo a primeira parte por cima.

O Antime entrou novamente a pressionar na segunda parte. Aos 51', Diogo marcou canto com a bola a sobrar para Castanha que rematou às malhas laterais. 

O terceiro golo do Antime surgiu aos 53', numa bola vinda de um canto a sobrar para a entrada da área onde estava Gustavo, com este a encher o pé e a fazer o golo da tarde, com a bola ainda a bater na trave e a entrar perto do ângulo. 

O jogo prosseguiu com muita entrega e muita luta por parte das duas equipas. Aos 63', após mais um canto de Diogo, Samu obrigou Bertaço a grande defesa. Aos 67' Chison assistiu Lukman que rematou rasteiro, ao lado. 

O Regadas podia ter feito um grande golo num remate quase do meio campo de Tiago com a bola a sair como um fuso para grande defesa de Tozé. 

Sobre os 90' ainda houve tempo para o 4-1, com Lukman a flectir para o meio e a oferecer o golo a Castanha. 

Jogo no Campo Prof. Manuel José Dias, em Silvares S. Martinho, Fafe. 

Árbitro, Gaspar Castro, auxiliado por Gaspar Fernandes e Tiago Mendes. 

GCD REGADAS: Bertaço; Tiago, Marco André, Fábio, Gonçalo, Buga, Jorge Carneiro, Rui Rebelo (Leandro, 60'), Joãozinho, Pauleta (Coelho, 65') e Bruninho (Nuno, 65'). Treinador, Marcelo Teixeira. 

OFC ANTIME: Tozé; Laureano, Samu, Gustavo (Vítor, 80'), Di Maria (Paulinho, 76'), Carioca, Nuno Almeida, Lukman, Chison (Sousa, 74'), Castanha e Diogo. Treinador, Luís Miguel Barros. 

DISCIPLINA: Cartão amarelo a - Castanha, 49', Caricoa, 66' e Gonçalo, 84'. 

GOLOS: Pauleta, 5'; Castanha, 30' e 90'; Chison, 39' e Gustavo, 53'. 

Veteranos: UD Fafe A60 e CD Mafra na Final do Torneio Cidade de Fafe/Memorial Paulo Rocha

Texto e fotos: João Carlos Lopes

Seis jogos, muita emoção e alguma preocupação 

Chegou ao fim o primeiro dia do Torneio Cidade de Fafe - 1-º Memorial Paulo Rocha, em futebol de veteranos, que se está a realizar no Campo de Jogos de Antime, numa organização da União Desportiva de Fafe A60, com a colaboração da Câmara Municipal de Fafe e Junta de Freguesia de Fafe. O vereador do Desporto Pompeu Martins deu simbolicamente o pontapé de saída e a viúva, o pai e o irmão de Paulo Rocha, bemcomo os amigos do Grupo de BTT Bike & Bear, marcaram presença e cumpriram todos um minuto de silêncio. 

O CD Mafra e a UD Fafe A60 serão os finalistas da 7.ª edição depois de vencerem os respectivos grupos. O primeiro dia ficou marcado pelas homenagens ao antigo guarda-redes da UD Fafe, Paulo Rocha, falecido no ano passado quando tinha apenas 42 anos. Além dos minutos de silêncio nos jogos, o Estrela da Calheta, equipa que representou enquanto leccionou na Madeira fez questão de jogar com uma camisola com o rosto do Paulo estampado e todos com o n.º 1 nas costas, aludindo à posição de guarda-redes que ocupava. Além disso, os madeirenses fizeram questão de rumarem ao cemitério para prestar homenagem ao antigo jogador do Clube.

No que respeita ao torneio, de referir um choque entre jogadores do Salvaterrense e do Estrela da Calheta que obrigou os atletas a serem transportados ao hospital por mera precaução, ainda que inicialmente, um deles tenha perdido os sentidos e tenha deixados presentes estupefactos.

Foram marcados 21 golos nos seis jogos realizados no primeiro dia e foram vistos grandes pormenores de futebol por ex-jogadores de uma modalidades que movem milhões e que todos querem jogar mesmo quando as pernas e a barriga já incomodam. 



PROGRAMA 

RESULTADOS DE SÁBADO 28-4-2018 

10H00 | UD Fafe A60, 6 – Casa do Benfica de Zurique, 1

11H00 | CD Salvaterrense, 5 – Estrela da Calheta, 2 

15H00 | SC Pinheiro Loures, 0 – Casa do Benfica de Zurique, 1

16H00 | CD Salvaterrense, 0 – CD Mafra, 1

17H00 | UD Fafe A60, 3 – SC Pinheiro Loures, 1

18H00 | Estrela da Calheta, 0 – CD Mafra, 1 

JOGOS PARA A MANHÃ DE DOMINGO 29-04-2018

09H30 | (5.º e 6.º lugar) Estrela da Calheta - SC Pinheiro Loures

10H30 | (3.º e 4.º lugar) CD Salvaterrense - Casa do Benfica de Zurique

11H30 | (1.º e 2.º lugar) UD Fafe A60 - CD Mafra 

sábado, 28 de abril de 2018

Futsal - 1.ª AF Braga/Fase Final: Nun'Álvares/IESFafe, 2- ACR Lordelo, 1 (Pavilhão ao rubro)

Texto e foto: João Carlos Lopes 

Guedes deu a volta em jogo de campeões 

Em mais um grande jogo de futsal, com o Pavilhão do Grupo Nun'Álvares com uma impressionante moldura humana, os Condestáveis receberam o ACR Lordelo e venceram por 2-1, num verdadeiro jogo de campeões.

Apesar de ter estado bem na primeira parte foi a equipa vimaranense a marcar e a garantir essa vantagem até ao intervalo. 

Na segunda parte, com o GNA/IESF totalmente focado no empate, a formação do Lordelo podia ter ampliado mais que uma vez mas os Condestáveis estavam diabólicos e enviaram uma bola ao poste e outra à trave, mas a bola teimava em não entrar. 

Os minutos finais foram de autêntica euforia com Guedes a empatar e depois a bisar na partida empolgando a assistência que foi ao rubro com este segundo golo. 

Já a faltar menos de dois minutos para o final o técnico do Lordelo arriscou no 5x4 mas a concentração do GNA/IESF não lhe permitiu o almejado golo e numa perda de bola dos vimaranenses podia ter feitro até o terceiro. 

O jogo acabou em verdadeira euforia entre jogadores e adpetos, todos a festejar mais uma vitória da equipa nunalvarista.       

1.ª Div. AF Braga: GD Fareja, 1 - GD Vasco da Gama, 1 (Pouco sal)

Texto e foto (arquivo): João Carlos Lopes

Vascaínos voltam a mostrar apetência para os dérbis 

O GDCR Fareja recebeu o Vasco da Gama com a equipa medelense a voltar a mostrar apetência para os dérbis e a conquistar mais um ponto nos confrontos entre equipas de Fafe, após o empate a uma bola com os Ferroviários. 

O Fareja entrou adormecido no jogo e acabou por sofrer um autogolo aos 13', após a marcação de um livre do vascaíno Rui Freitas. 

A equipa de Stephane Varela acordou para o jogo a partir do golo e criou algumas oportunidades tendo inclusive enviado duas bolas à barra.

Na segunda parte o Fareja entrou à procura do golo doempate o qual veio a obter por Vasco Coelho. 

A equipa da casa com mais obrigação de vencer que o adversário tentou chegar à vitória nos últimos o que não veio a conseguir.

Div. Honra AF Braga: ACD Pica, 4 - FC Prazins e Corvite, 0 (Sem curvas)

Texto e fotos: João Carlos Lopes 

Falta um ponto para garantir a manutenção

A ACD Pica recebeu e bateu o FC Prazins e Corvite por 4-0 e ficou a um ponto de garantir matematicamente a manutenção nesta época bem atípica e muito abaixo do que os piquenses vinham a fazer nos últimos anos, sempre perto dos lugares de cima e longe dos de despromoção. 

A equipa orientada por Paulo Soares criou uma vantagem confortável de 3-0 na primeira parte com golos de André Neto, Óscar e André Jardim. 

Na segunda metade a equipa da Pica geriu o resultado e ainda acrescentou mais um golo à contabilidade, este apontado por Pedro Morais.  

Segue-se agora mais um dérbi com a Pica a deslocar-se a Silvares para defrontar o GCD Regadas.   

sexta-feira, 27 de abril de 2018

Futebol Veteranos: 7.º Torneio Cidade de Fafe e 1.º Memorial Paulo Rocha começa este Sábado às 10H

Texto e foto: João Carlos Lopes 


Vai ser cumprido um minuto de silêncio no acto de abertura em memória de Paulo Rocha 


A 7.ª edição do Torneio de Veteranos Cidade de Fafe e 1.º Emomorial Paulo Rocha, realiza-se nos próximos dias 28 e 29 de Abril, no Campo de Jogos de Antime, com entrada livre e com a presença, além da equipa anfitriã, UD Fafe A60, com a participação das equipas dos Veteranos CD Salvaterrense, Sporting Clube Pinheiro Loures Veteranos, Veteranos do Estrela da Calheta, CD Mafra Veteranos e Casa do Benfica de Zurique. 

O pontapé de saída será dado pelo vereador do Desporto da Câmara Municipal de Fafe Dr. Pompeu Martins e por essa ocasião será cumprido um minuto de silêncio em memória de Paulo Rocha que era guarda-redes da colectividade e que faleceu no ano passado de morte súbita quando participava num passeio de BTT.  

O jogo de abertura é no Sábado pelas 10 horas e vai colocar frente a frente a equipa anfitriã e a Casa do Benfica de Zurique. Já a final está marcada para as 11:30 de Domingo. 

Na última edição a equipa organizadora foi a vencedora do Torneio depois de bater o FC Arouca por 3-2 nas grandes penalidades após um jogo sem golos. Foi a primeira vez que a UD Fafe venceu o torneio. 

Já participaram no Torneio da UD Fafe A60 as equipas do União de Coimbra, Vitória SC, Rio Ave, CD Trofense, FC Penafiel, Union Sportive Ribecourt (França), Estrelas da Calheta, Sporting CP, RC Arena Vega (Espanha), UD Santana, União de Tomar, Veteranos de Tavira, Paços de Brandão, Beira Mar, Mogadouro, Régua, GD Chaves e Casa do Benfica de Zurique (Suíça), Sport Viseu e Benfica, FC Penafiel e FC Arouca 

Na lista de vencedores pela ordem dos torneios, venceram: Vitória SC, Rio Ave, RC Arena Veja, Sporting CP e GD Chaves e UD Fafe A60. 

PROGRAMA 

SÁBADO 28-4-2018

10H00 | UD Fafe A60 – Casa do Benfica de Zurique

11H00 | CD Salvaterrense – Estrela da Calheta 

15H00 | SC Pinheiro Loures – Casa do Benfica de Zurique

16H00 | CD Salvaterrense – CD Mafra

17H00 | UD Fafe A60 – SC Pinheiro Loures

18H00 | Estrela da Calheta – CD Mafra 

DOMINGO 29-04-2018

09H30 | Jogo entre 3.ºs de cada grupo (5.º e 8.º lugar)

10H30 | Jogo entre 2.ºs de cada grupo (3.º e 4.º lugar)

11H30 | Jogo entre 1.ºs de cada grupo (1.º e 2.º lugar)

Futsal do Arões SC descontente com a "dualidade de critérios" da AMAF nos castigos

Ginásio Play Fitness reuniu clientes e colaboradores em jantar inesquecível

Texto e fotos: João Carlos Lopes 

A alegria foi tanta que a noite não tinha fim  

O ginásio Play Fitness que está há cerca de um ano sob a gerência do jovem empreendedor Rafael Martins, levou a efeito no último sábado, um jantar/convívio entre clientes e colaboradores, nomeadamente os instrutores das várias modalidades, num acto que resultou numa simbiose perfeita, num ambiente puramente familiar. 

Passadas as habituais formalidades do jantar, veio o momento de cantar simbolicamente os parabéns e cortar o bolo de aniversário para depois chegar a melhor parte da noite. 

Os instrutores e colaboradores do ginásio brindaram os presentes com actuações verdadeiramente hilariantes que arrancaram sorrisos e gargalhadas de orelha a orelha e esse foi o mote para o que veio a seguir. 

Houve muita música ambiente e bar aberto madrugada dentro. Houve até um momento estilo "coyote bar" com algumas utentes do ginásio a tomarem de "assalto" o bar e a servirem bebidas a "torto e a direito" com grande efusividade e emoção, isto, claro está, com a conivência dos responsáveis pelo mesmo. O certo é que esse momento foi muito gratificante, pela alegria, boa disposição e grande animosidade que criou entre todos. Um verdadeiro espectáculo. 

Rafael Martins à direita, com o irmão Renato 
Com o sorriso sempre presente, o resto da noite foi de dança, com a música de vários estilos a ser interpretada por todos em grande harmonia, sempre sob a égide da "Dona Alegria" que nunca arredava pé e até parecia que a noite não tinha fim. 

De recordar que o Ginásio Play Fitness se encontra no Parque 1.º de Dezembro, junto da antiga estação do caminho de ferro, em Fafe, e é frequentado por muitas pessoas de ambos os sexos e de todas as idades e estratos sociais, em perfeita coabitação e cumplicidade, ajudando a cuidar do corpo e da alma de quem quer descontrair do trabalho ou mesmo dos estudos. Um espaço acolhedor e muito singular que tem ganho novos clientes a cada dia que passa.    

Futsal Juvenis AF Braga: Nun'Álvares/IESFafe, 3 - AD Fafe, 1 (Bis de Ricardo Júnior)

Texto e foto: João Carlos Lopes 

Entrada forte deu bom resultado 

Os juvenis do Grupo Nun'Álvares receberam a equipa da AD Fafe em jogo da 2.ª fase do Campeonato Distrital tendo os pupilos de Luís Miguel Barros levado a melhor sobre os orientados por José Marinho, por 3-1. 

Os Condestáveis entraram praticamente a vencer com Ricardo Júnior a marcar dois golos praticamente seguidos e a deixar os fafenses um pouco mais ansiosos. Tudo ficou mais complicado quando Ruben fez o 3-0. 

Na segunda parte os nunalvaristas baixaram os níveis de confiança ao contrário dos fafenses que perseguiram sempre o golo de honra o qual vieram a obter num contra-ataque concretizado por João. 


PEDESTRIANISMO: XVIII Marcha da Liberdade levou duas centenas a conhecer a história do concelho de Fafe

REDAÇÃO/ FOTO: TERESA PEREIRA

De Ribeiros até Medelo por belos caminhos

A Marcha da Liberdade atingiu a maioridade, com a realização da XVIII edição, que contou com a participação de cerca de 200 pedestrianistas, que percorreram caminhos com história desde a freguesia de Ribeiros até à freguesia de Medelo, passando por caminhos de Estorãos e Revelhe.

A organização esteve a cargo dos Restauradores da Granja/Fafe e contou com o apoio das Juntas de Freguesias de Ribeiros, de Medelo, de Revelhe, de Estorãos, de Fafe, da Câmara Municipal de Fafe, da Federação de Campismo de Montanhismo de Portugal, do IPDJ, do Grupo Coral Cultural e Recreativo de Medelo, do Grupo Desportivo Vasco da Gama, da Associação Desportiva e Lazer de Medelo, da Fraternidade Nuno Álvares, do Agrupamento de Escuteiros de Ribeiros – 1206, do Agrupamento de Escuteiros de Medelo – 966, de Luís & Companhia (concertina), da Florista Graça e da Berci. 

Como Media Partners o Blog Montelongo Desportivo, do Jornal “Notícias de Fafe” do Jornal “Expresso de Fafe”, da Fafe TV e do Blog Fafe Desportivo. Atividade inserida na Rede Ágora – Fafe-Espaço de Desporto para Todos.

quinta-feira, 26 de abril de 2018

AGENDA DESPORTIVA DE FIM DE SEMANA

7.º TORNEIO DE VETERANOS CIDADE DE FAFE

1.º MEMORIAL PAULO ROCHA 
Dia/Hora: Sábado E DOMINGO, 28/29 Abril 
Local: Campo do OFC Antime

PROGRAMA

SÁBADO 28-4-2018
10H00 | UD Fafe A60 – Casa do Benfica de Zurique
11H00 | CD Salvaterrense – Estrela da Calheta 
15H00 | SC Pinheiro Loures – Casa do Benfica de Zurique
16H00 | CD Salvaterrense – CD Mafra
17H00 | UD Fafe A60 – SC Pinheiro Loures
18H00 | Estrela da Calheta – CD Mafra 
DOMINGO 29-04-2018
09H30 | Jogo entre 3.ºs de cada grupo (5.º e 8.º lugar)
10H30 | Jogo entre 2.ºs de cada grupo (3.º e 4.º lugar)

11H30 | Jogo entre 1.ºs de cada grupo (1.º e 2.º lugar) 


ANDEBOL NACIONAL

ANDEBOL 1 - FASE MANUTENÇÃO
CD S. BERNARDO - AC FAFE
Dia/Hora: Sábado, 28 Abril – 18H00
Local: Pavilhão de S. Bernardo, Aveiro

FUTSAL NACIONAL MASCULINO

CAMPEONATO NACIONAL DA 2.ª DIVISÃO
MONTENEGRO - AD FAFE
Dia/Hora: Sábado, 28 Abril – 18H00
Local: Pavilhão Rota da Castanha, Carrazedo de Montenegro 

FUTSAL NACIONAL FEMININO 

CAMPEONATO NACIONAL DA 1.ª DIVISÃO - FASE CAMPEÃO 
CR GOLPILHEIRA - NUN'ÁLVARES/IESFAFE
Dia/Hora: Sábado, 28 Abril – 18H30
Local: Pavilhão Municipal da Golpilheira, Batalha

 DISTRITAL MASCULINO

CAMPEONATO DA 1.ª AF BRAGA - AP. CAMPEÃO 
NUN'ÁLVARES/IESFAFE - ACR LORDELO
Dia/Hora: Sábado, 28 Abril – 17H00
Local: Pavilhão do Grupo Nun'Álvares 

 FUTEBOL 

Juniores 2.ª Div. Nac./Fase Manutenção
MONDINENSE FC - AD FAFE
Dia/Hora: Sábado, 28 Abril – 16H00
Local: Estádio Municipal de Mondim de Basto


FUTEBOL DISTRITAL MASCULINO

DIV. HONRA AF BRAGA
GCD REGADAS - OFC ANTIME
Dia/Hora: Sábado, 28 Abril – 16H00
Local: Campo Prof.Manuel José Dias, Silvares SM, Fafe

ACD PICA - FC PRAZINS E CORVITE
Dia/Hora: Sábado, 28 Abril – 16H00
Local: Parque de jogos da Pica, Fafe

1.ª DIV. AF BRAGA

GD FAREJA - GD VASCO DA GAMA
Dia/Hora: Sábado, 28 Abril – 16H00
Local: Campo de jogos de Fareja, Fafe

GCR ROSSAS - GD SILVARES
Dia/Hora: Domingo, 29 Abril – 16H00
Local: Campo Francisco Matos, Rossas, Vieira do Minho


ACD PICA B - DESPORTIVO ARCO BAÚLHE
Dia/Hora: Domingo, 29 Abril – 16H00
Local: Campo de Jogos da pica, Fafe

TODOS OS JOGOS DA AMAF
Informe-se aqui

MAIS INFORMAÇÕES DE JOGOS E EVENTOS DESPORTIVOS
CLIQUE AQUI PARA VER OS CARTAZES DOS CLUBES

Futsal . 1.ª Div. AF Braga/Fase Final.: Nun'Álvares/IESFafe - ACR Lordelo em luta de titãs


Futsal Fem. 1.ª Div. Nac.: CD Golpilheira - Nun'Álvares/IESFafe é a próxima Batalha


Futsal 2.ª Div. Nac.: GDC Montenegro - AD Fafe para fechar a temporada


Futsal: Todos osjogos da formação do Grupo Nun'Álvares


Futsal: Todos os jogos da formação da AD Fafe


Todos os jogos da formação do Arões SC


Amigos de Quinchães propõem-te muitas maneiras de ajudares a PRINCESA IRIS


NÃO HÁ VALOR DE INSCRIÇÃO E CADA UM 
DÁ O QUE ENTENDER . NÃO FALTES QUE É POR UMA BOA CAUSA 

Futebol Popular - Taça Cidade de Fafe: SR Cepanense, 3 - ADCR Stª Cristina, 0 (Tunos estão na final)

Texto: João Carlos Lopes / Foto: DR

Tuna tinha a música bem ensaiada 

A Sociedade de Recreio Cepanense recebeu e bateu a ADCR Santa Cristina por 3-0 no jogo das meias finais da Taça Cidade de Fafe em futebol Popular. 

Os números evidenciam uma vitória sem contestação da equipa da Tuna que tem o último desafio marcado com a equipa felgueirense do Friande.

Tó Faria inaugurou o marcador na sequência de um livre de David Pereira que deu um ligeiro toque na bola, o segundo. O segundo golo foi assinado por Rélho, que descaído para a esquerda e perto da linha lateral fez um grande golo. O terceiro foi de penálti já na segunda parte apontador por Tó Faria, que bisou.

Um jogo com uma grande moldura humana, a emprestar um ambiente espectacular a uma partida do futebol popular, disputada entre equipas de freguesias vizinhas mas rivais saudáveis. 

O próximo jogo das duas equipas é já no próximo Sábado em Santa Cristina, com as duas equipas a encontrarem-se de novo, agora para o campeonato.