.

.
.

sexta-feira, 30 de agosto de 2019

CDP: AD Fafe desloca-se ao 1.º de Maio para jogar com o SC Braga B

CPN AF Braga: Arões SC recebe o GD Porto D'Ave


Clube Atletismo Fafe presente no Ultra Trail du Mont Blanc com três atletas

REDAÇÃO
Nuno e Eusébio Fernandes e João Vieira Mendes na prova mais mítica de trail do mundo

Dia 30 de agosto, serão 3 os fafenses presentes no mais importante evento de Trail Running mundial, o Ultra Trail du Mont Blanc, cujo centro de ações se situa em Chamonix, França. 

João Vieira Mendes fará a sua estreia na prova principal, o UTMB, com a extensão de 170km, e que terá início às 18h locais, 17h em Portugal.

Por seu lado, Nuno Fernandes, que foi o primeiro atleta fafense a terminar os míticos 170km, em 2017, regressa ao evento para participar no CCC, trajecto com a distância de 100km.
O irmão, Eusébio Fernandes, alinha igualmente no CCC, naquela que será a sua estreia em provas de 100km.

A CCC tem início às 9h locais, 8h em Portugal.

Uma grande experiência em verdadeira Montanha que fará os 3 atletas percorrer 3 países no decurso da aventura - França, Itália e Suíça - e que poderá ser acompanhada em directo no site oficial da prova, através da plataforma UTMBlive.

quinta-feira, 29 de agosto de 2019

Futebol Popular (AMAF): Hélder Oliveira é o novo treinador do GDC Serafão

REDAÇÃO

É um conhecedor da competição


Conhecedor do futebol popular organizado pela AMAF, com passagem pelo Fareja no futebol popular e regional, ex-treinador do ADCR de Stª Cristina onde já foi campeão.

Foi sempre a nossa primeira escolha e agradecemos a confiança ao aceitar o nosso convite, dado que declinou vários convites do popular e regional.

Acordo celebrado há sensivelmente duas semanas e em conjunto com a direção já se encontra a trabalhar no planeamento do plantel sénior, que conta com alguns novos atletas que divulgaremos oportunamente.

Continuam abertas as captações para os escalões de formação do ND Seidões

quarta-feira, 28 de agosto de 2019

Futsal Fem. 1.ª Div. Nac.: Nun'Álvares já trabalha com reforços cirúrgicos

TEXTO: JOÃO CARLOS LOPES / FOTO: DR

Chegar à fase de campeão e tentar fazer o melhor possível

A equipa de futsal feminino do Grupo Nun'Álvares vai para a terceira época consecutiva na 1.ª Divisão a quarta no seu historial e depois de ter atingido a fase de campeão nas duas últimas temporadas reforçou-se agora cirurgicamente para a nova época em que conta com o regresso do do treinador Rui Pedro Cunha, o obreiro da última subida das Condestáveis. 

A guarda-redes internacional Sara Wallace (ex- Novasemente) e a ala Lígia (ex-Juventude de S. Pedro são os únicos reforços da equipa que está agora mais madura e mais experientes apesar da muita juventude que constitui o plantel.    

Rui Cunha agendou seis jogos de pré-temporada de elevado grau de exigência por forma a dotar a equipa do ritmo competitivo necessário para enfrentar a primeira fase do campeonato, cujo objectivo principal é voltar a qualificar-se para a fase de campeão e assegurar desde logo a manutenção neste escalão.  

PLANTEL DO GRUPO NUN'ÁLVARES PARA A ÉPOCA 2019/20 (FEMININO)

GUARDA-REDES: Sara Wallace (ex-Novamesente), Joana Pereira e Bruna (ex-Júnior GNA).

FIXO: Loira 

Ala: Martinha, Lígia (ex-Juventude de S. Pedro), Joana Coimbra, Leninha, Martinha.

PIVOT: Telma, Liana e Nádia.

UNIVERSAL: Carina Luís, Joana e Mafalda.

EQUIPA TÉCNICA: Rui Cunha (treinador), Domingos Mendes (treinador Adjunto) e Nuno Magalhães (treinador de guarda-redes). 

DELEGADO: Samuel Oliveira. 

terça-feira, 27 de agosto de 2019

Estão abertas as inscrições para todas as idades e escalões de formação do AC Fafe

COMUNICADO


INICIO DOS TREINOS ÉPOCA 2019/2020

O responsável da formação do Andebol Clube de Fafe Prof. Óscar Freitas vem comunicar a todos os atletas do clube que na próxima 2ª feira dia 2 de Setembro no Pavilhão Municipal:

17h00 (iniciadas e juvenis femininas e infantis masculinos)

18h00 (iniciados e juvenis masculinos).

Os minis(10 anos aos 12 anos e bambis (6 anos aos 9 anos) - início a 16 de Setembro de 2019.

CAPTAÇÕES:

A partir do dia 2 de Setembro estão abertas as inscrições para todas as idades e escalões de formação:

Temos equipas dos 4 anos - Manitas aos 14 anos Iniciados.

Aparece, experimenta uma modalidade com muita história em Fafe. Jogar andebol é bom.

Fafense Carlitos é o novo treinador do GD Foz Côa

TEXTO:JOÃO CARLOS LOPES / FOTO: DR

Um projecto ambicioso 

O treinador fafense Carlitos terminou a ligação ao Santa Comba da Vilariça da AF de Bragança para assumir o comando técnico do GD Foz Côa, da AF Guarda, clube que tem como objectivo atingir os campeonatos nacionais nas duas próximas temporadas.

Carlitos, de 49 anos referiu ao Jornal Nordeste que “o objectivo é manter a equipa na primeira divisão distrital da A F. Guarda, à qual o clube chegou esta temporada, para em dois anos tentar a subida no nacional”.

Disse ainda à mesma fonte que o campeonato da Guarda é “mais competitivo que o de Bragança”. “Há maior capacidade financeira que permite que equipas como o Mêda, Gouveia, Vila Franca das Naves e outros possam ter bons plantéis. Sem dúvida que esta primeira divisão da AF Guarda é mais competitiva”, rematou.

Com técnico Carlitos treinou o Fafe, Bragança, Mondinense e Amares, Carrazeda, Vila Flor e Santa Comba da Vilariça. Já como jogador representou o Vitória de Guimarães, Benfica de Castelo Branco, Varzim, Vila Real, Famalicão, Lousada, Vizela e Fafe.

domingo, 25 de agosto de 2019

CDP: AD Fafe, 3 - J. Pedras Salgadas, 1

REDAÇÃO

Fafe retirou o gás às Pedras 

Os justiceiros disputaram na tarde de hoje o primeiro jogo caseiro da época, com a receção ao Pedras Salgadas. Mantendo a tradição dos embates entre os dois emblemas no Estádio Municipal de Fafe, a vitória voltou a sorrir aos fafenses, com um 3-1 final que espelhou o domínio claro da equipa da casa.

A diferença no marcador começou a ser perseguida logo após o apito inicial, com a AD Fafe a entrar forte no jogo e a tentar rapidamente deixar para trás o empate da primeira jornada em casa do SC Maria da Fonte.

Malik, a fazer a sua estreia oficial de justiça ao peito, foi dos mais ativos nesse período precoce da partida, enviando inclusive uma bola por cima da baliza adversária, pondo em sentido a defensiva do Pedras.

Contavam-se já 12' no cronómetro quando as redes de uma baliza abanaram pela primeira vez no Estádio Municipal em jogos a contar para o Campeonato de Portugal 2019/20: Helinho finalizou com classe um cruzamento preciso de Carlos Freitas e colocou a AD Fafe numa justa vantagem.

Sem grandes mudanças nas dinâmicas e na história do jogo, foi de forma natural que João Victor, aos 25', contribuiu para aumentar a contagem de golos dos fafenses. O jovem atleta aproveitou uma defesa incompleta do guardião visitante a forte remate de Tiago Nogueira para encostar o esférico.

Cinco minutos depois já foi Malik, mais uma vez, a cheirar o golo, porém a pontaria não foi a melhor e a bola encontrou as malhas laterais. Mesmo sem o controlo do jogo, o Pedras Salgadas conseguiu criar um momento de perigo, valendo a defesa crucial de Fred Fangueiro a um remate traiçoeiro dos forasteiros.

À entrada da segunda parte, ainda com o pé bem pressionante no acelerador, a AD Fafe não descansou com os dois golos de vantagem, procurando de imediato o terceiro.
Assim foi, aos 49', com a dupla de Carlos Freitas e Helinho a dar de novo resultado. O primeiro cruzou e o segundo apareceu novamente na área do Pedras Salgadas para finalizar, concretizando desta vez o 3-0.

Donos e senhores do jogo, a AD Fafe abrandou um pouco o ritmo, permitindo algum aumento na vertente ofensiva dos visitantes, não deixando no entanto que surgisse alguma situação que pudesse incomodar Fred Fangueiro.

O golo do Pedras Salgadas acabou mesmo por aparecer mas através da conversão de uma grande penalidade, com o árbitro a assinalar suposta mão na bola de Paulo Monteiro dentro da sua área. Esse momento surgiu aos 71' e encorajou um novo esforço por parte da equipa visitante, que viu aos 76' outro tento desviado por Fred, que voltou a negar uma possibilidade de golo.

Os minutos finais mostraram uma AD Fafe e recuperar novamente o leme deste embate e a encostar o Pedras Salgadas ao seu meio campo, enviando várias bolas para dentro da área do Pedras, não tendo nenhuma delas resultados práticos.

Ficou assim confirmada a primeira vitória dos justiceiros na presente época desportiva, dando assim um mote positivo para a semana que se avizinha, de preparação para a visita ao SC Braga "B".

sábado, 24 de agosto de 2019

CPN AF Braga: S. Paio de Arcos FC, 1 - Arões SC, 2

TEXTO E FOTO (ARQUIVO): JCL

Bis de Gil rectificou o resultado da primeira jornada 

Gil foi o homem do jogo em que o Arões SC conquistou a primeira vitória do campeonato no terreno do S. Paio de Arcos por 2-1, rectificando o resultado negativo e um pouco injusto da primeira jornada em casa contra o Prado.  

Na primeira parte do desafio não houve golos e o marcador foi inaugurado sensivelmente a meio da segunda parte por intermédio de através de um penálti. Volvidos cerca de cinco minutos a equipa bracarense igualou a partida. 

Porém o avançado fafense mostrou novamente porque é um dos melhores e mais experientes dianteiros deste campeonato e antes do apito final bisou na partida.  

sexta-feira, 23 de agosto de 2019

Andebol: Torneio de Verão da Póvoa de Varzim tem o nome do malogrado atleta fafense Luís Gonçalves


TEXTO: JOÃO CARLOS LOPES/ FOTO: DR

"Uma bela homenagem ao ser humano de excelência"

Há atletas que nunca se esquecem por tudo o que deram ao clube ainda que esse não fosse o clube da sua terra mas que era representado com honra e dignidade como era o caso do malogrado jogador de Andebol Luís Gonçalves, capitão da equipa do Póvoa Andebol/Bordegão equipa que agora atribuí ao seu prestigiado Torneio de Andebol de Verão o nome do fafense, que foi um verdadeiro exemplo para todos os companheiros. 

O Póvoa Andebol/Bordegão faz questão de lembrar isso mesmo quando diz "um Clube sem memória será sempre um clube sem futuro. Hoje começa o Torneio Luís Gonçalves, uma bela homenagem ao ser humano de excelência e ao andebolista que quero recordar sempre assim. Luís, serás Sempre o Nosso Capitão. A tua entrega, disponibilidade e atitude com o clube será sempre recordada. Obrigado!

Este prestigiado Torneio conta coma participação das equipas do Póvoa Andebol, FC Porto, FC Gaia, AC Fafe, AA Avanca e ABC Braga e começa hoje, estendendo-se até ao próximo domingo. 

Obrigado ao Póvoa Andebol/Bordegão pelo reconhecimento e pela bela homenagem que faz ao seu capitão que de facto era um excelente ser humano, sempre disponível para colaborar quando solicitado e sempre grato por tudo. Também nós lhe prestamos aqui a nossa homenagem e dizemos obrigado ao Luís Gonçalves, homem, atleta, capitão e grande fafense que soube honrar a sua terra além das fronteiras do Concelho e o nome neste torneio é agora o reflexo de quão bem o fez.    

CDP: AD Fafe recebe Juventude de Pedras Salgadas na jornada 2

CPN AF Braga: Arões SC desloca-se ao terreno do S. Paio de Arcos


quinta-feira, 22 de agosto de 2019

ADCR Santa Cristina acrescenta mais três elementos ao plantel

Os Muchachos venceram o II Torneio de Futebol de 6 de Seidões

READÇÃO

Um torneio bem organizado e cada vez mais atraente

Decorreram no último Sábado as finais do II Torneio de Futebol de 6 de Seidões Disputaram-se assim, primeiramente o jogo de atribuição de 3.º lugar entre o Café Talhos/Diagnosticar e o Casadela/Hora Extra, no qual a primeira acabou por garantir o lugar mais abaixo do pódio após ter vencido a segunda por 4-1. 

Após o apito final disputou-se o jogo mais aguardado da tarde que opunha os Muchachos e, pelo segundo ano consecutivo o SoparaEventos/Felfardas, a única equipa que até à data somava apenas vitórias nesta segunda edição do Torneio. O jogo mostrava-se equilibrado até que Nuno, após converter em golo um livre de 7 metros favorável aos Muchachos desempatou o jogo dando vantagem à sua equipa, vantagem essa que não mais foi perdida acabando o resultado em 3-0. 

Uma vez suado o apito final chegou a hora da abertura do tradicional porco no espeto e convívio, com a disputa dos jogos da malha e da música que animaram o resto da tarde e tornaram assim ainda mais numa festa o culminar de mais uma edição do torneio. Pelo meio a entrega dos troféus que fica em baixo em fotografias retratada bem como descrita

🏆 Classificações Finais
🥇1º Classificado - Os Muchachos
🥈2º Classificado - SoparaEventos | Felfardas
🥉3º Classificado - Café Talhos/Diagnosticar
🥅 Melhor Defesa - SoparaEventos | Felfardas
🏃‍♂ Melhor Marcador - Paulo Gonçalves (Os Muchachos)
🤼‍♂ Troféu Disciplina - Juventude do Rêgo

Agradecimento - Luis Filipe Lemos por toda a dedicação e empenho durante todo o torneio enquanto arbitro principal.
Um agradecimento especial a todas as restantes equipas (AD Revelhe, New Team, Ares de Montelongo, Juventude do Rêgo e Casadela/Hora Extra) e atletas que são também todos eles vencedores por terem contribuído para o sucesso deste torneio!


BALANÇO E AGRADECIMENTOS 

Findou este Sábado a segunda edição do torneio de futebol de 6 que decorreu durante os últimos 5 fins de semana, e culminou neste último dia com um convívio entre equipas e respectivo público. O balanço só pode ser uma vez mais positivo.

Não podíamos ainda deixar de realçar todos aqueles que contribuíram para o sucesso deste evento, agradecendo a colaboração ao Morrison BarMorrison, ao Café Talhos, na pessoa do seu proprietário Zeca e ao Sr. Joaquim Alves! Um agradecimento também à família Queirós por nos proporcionar todas as condições necessários para o funcionamento do bar! Agradecer ao nosso atleta Gonçalo Alves pelo som que animou as pausas entre jogos! Agradecer a todos os nossos apoios, nomeadamente o E.Leclerc Fafe bem como à Loja Bela Utilidades e Decoração e StudioD! 

Agradecer ainda à União de Freguesias de Ardegão, Arnozela e Seidões por uma vez mais nos proporcionar as melhores condições possíveis, essencialmente ao nível de infraestruturas. Agradecer também à comunicação social concelhia por dar destaque e divulgar de uma forma mais fácil todas as informações do torneio! Agradecer também às pessoas que foram acompanhando os jogos ao vivo, fim de semana após fim de semana, dando sem dúvida um ambiente e colorido diferente, mostrando assim o fundamental propósito de este torneio existir! 

E por último, o agradecimento a todos que de uma ou outra forma despenderam o seu tempo para nos ajudar a levar esta actividade em diante e que foram decisivos para o sucesso da mesma, para eles o nosso maior OBRIGADO! Não há palavras e só demonstra o quanto estamos #JuntosPorUmaPaixão!

Esperamos que tenham gostado! 

Estamos #JuntosPorUmaPaixão

quarta-feira, 21 de agosto de 2019

Futsal - 2.ª Div. Nac.: Nun'Álvares já trabalha com vista à fase de campeão



TEXTO E FOTOS: JOÃO CARLOS LOPES 

Equipa cirurgicamente reforçada 

Os seniores do Grupo Nun'Álvares iniciaram os trabalhos da temporada 2019/20 com um plantel composto de jogadores com experiência de primeira e segunda divisão e outros ainda muito novos mas com bastante qualidade. Para o treinador Hugo Oliveira o primeiro objectivo da temporada é colocar a equipa na fase de campeão.

O técnico disse ainda que se for alcançado o primeiro objectivo será feito um balanço e uma avaliação do estado da equipa relativamente a lesões e castigos para se poderem estabelecer novos objectivos. Hugo Oliveira afirma também que depois de estar alcançada a fase de campeão a subida é uma premissa obrigatória. 

O GNA conta com a experiência de Norinho, Alex, Vasco (GR), Ismael, Rafa e Luís Paulo ao mais alto nível mas no lote se sete aquisições efectuadas e também nos que já lá estavam também há muita juventude como os casos de Serginho (17 anos), Daniel e Diogo (20) e o guarda-redes Ari (19 anos). Apenas houve uma falha na posição de Pivot, colmatada com a vinda do Norinho, todos os outros foram primeiras escolhas. Norinho que fez a posição de Pivot no Boavista e no Modicus e nas últimas épocas desposicionou-se um pouco pois jogou mais a ala mas com facilidade assumirá novamente a sua posição. Para já os Condestáveis dão o plantel como fechado.  

Sobre as hipóteses dos juniores, sabendo-se que o guarda-redes Marco Ceiras e o universal Serginho vão fazer parte do plantel sénior o Treinador adianta que as hipóteses de jogaram são muitas e isso já se verificou com o Serginho na época anterior quando ainda era juvenil.  

Para o treinado dos Condestáveis os adversários das primeiras quatro jornadas são os mais difíceis e certamente com os candidatos juntamente com o GNA à fase seguinte. O primeiro jogo é com o Fafe na posição de visitante, o mesmo sucedendo no segundo em Carrazeda de Montenegro, recebe o CD Aves e depois uma deslocação complicada a Nogueiró.    

Estão previstas entre quatro a cinco semanas de trabalho de pré-temporada com trabalho técnico/táctico e elevação de índices físicos com preparação para a visão de organização de jogo. Para já estão a treinar os seniores os juniores Ceiras e Serginho que fazem parte do plantel e ainda Júnior, Luís, Tiago (GR) e Moutinho. 

Quanto a jogos de preparação no final da segunda semana de trabalhos os Condestáveis recebem o Freixieiro, participa no Torneio Triangular de Nelas (Nelas, GNA, S. João) e depois um quadrangular nas Caxinas (GNA, Caxinas, Dínamo Sajoanense e Nogueiró). O Jogo de apresentação ainda será com uma equipa a definir.

Para o capitão Ribeiro a experiência da época passada vai ajudar a equipa mas como tem sido em cada época o GNA tenta fazer sempre melhor do que a anterior e esta não fugirá à regra e se o Grupo conseguir passar à fase de subida não vai enjeitar a hipótese de lutar pela subida de escalão.   


PLANTEL DO GRUPO NUN'ÁLVARES PARA 2019/20

GUARDA-REDES: Vasco (ex-SC Braga), Ceiras (Júnior GNA), Rafa e Ari (ex-Pinheirense)

FIXO: Khan, Dani (ex-Silvalde), Ribeiro e Guedes.

ALA: Ismael (ex-Candoso), Rafa, Luís Paulo, Alex (ex-Rio Ave) e Diogo Dias (ex-Nogueiró).

PIVOT: Tiago Nogueira, Norinho (Arsenal da Parada), Maia e Serginho (Junior GNA). 

EQUIPA TÉCNICA: Hugo Oliveira (treinador) e Pedro Vilaça (adjunto)

DIRECTORES: Diogo Faria e Nelson Rodrigues 

FISIOTERAPEUTA: Pedro.

terça-feira, 20 de agosto de 2019

CICLISMO: João Leite e Luís Lemos condicionados pelas quedas no Nacional de Estrada em Cadetes

TEXTO: JOÃO CARLOS LOPES / FOTOS DR

Ciclistas fafenses lutaram contra as adversidades 

Os jovens ciclistas fafenses João Leite (UC Trofa) e Luís Lemos (SC Bike Team) participaram no Campeonato Nacional de Ciclismo de Estrada em Paredes realizado, no último fim de semana em Paredes que  se dividiu por um contra-relógio e uma etapa de estrada em linha ainda que só o João tenha feito o contra-relógio. Em dias de muita chuva o que originou muitas quedas, os ciclistas fafenses ficaram condicionados nos seus desempenhos pelos vários cortes provocados pelas mesmas. 

Apenas o João Leite participou no contra-relógio de cerca de 12 km, uma vez que por indicação do treinador da sua equipa o Luís Lemos não alinhou. Ainda a recuperar de uma queda que sofreu na primeira etapa da Volta a Portugal de Cadetes no início do mês o João obteve o 13.º lugar. 

Na etapa em linha marcada por muitas quedas, o que fez com que o pelotão se partisse em vários grupos por causa das quedas João Leite descolou do grupo principal que ia na frente. Contudo, numa prova em toda ela realizada debaixo de chuva e com estradas escorregadias e ainda em recuperação da queda sofrida João não se sentia confortável a pedalar, mas ainda, com todas as condicionantes, assim obteve o 12.º lugar.

Já Luís Lemos também foi vítima das inúmeras queda verificadas nesta etapa em linha de 75,9 km ficando retido num dos grupos e apesar de estar a sentir boas sensações fez tudo o que podia até final da corrida para tentar apanhar o grupo da frente terminando a etapa na 32.ª posição. 


Legião Estrangeira no CDP: Três vitórias e quatro derrotas dos jogadores fafenses


JCL/FOTO: DR 


SÉRIE A

O Juventude de Pedras Salgadas de Rui Rampa recebeu o Vitória SC B com quem perdeu por 3-0. Desloca-se a Fafe na jornada seguinte. 

A AR S. Martinho de Vasco Cruz e Agostinho Bento (treinador) foi surpreendido em casa pelo recém promovido Cerveira. Viaja até Famalicão para defrontar a AD Oliveirense. 

O Bragança de João Nogueira deslocou-se teve deslocação curta a Mirandela onde perdeu por 1-0. Recebe o CDC Montalegre em casa. 

SÉRIE B

O SC Vila Real de José Marçal deslocou-se a Viseu onde perdeu com o Lusitano de Vildemoinhos por 4-0.  Recebe a AD Castro Daire. 

O Lusitânia de Lourosa de Nuno Henrique recebeu o FC Pedras Rubras e venceu por 1-0. Desloca-se ao terreno do FC Felgueiras. 

O FC Arouca de Diogo Costa estreou-se com uma vitória fora de portas no terreno do CD Trofense por 2-1 Recebe o Amarante FC.

SÉRIE C

O AC Marinhense de Ricardo Ferreira deslocou-se ao terreno do Vitória de Sernache onde venceu por 5-1. Recebe o Sertanense.

domingo, 18 de agosto de 2019

CDP: Ricardo Ferreira marcou na vitória do AC Marinhense por 5-1

TEXTO: JOÃO CARLOS LOPES / FOTO: DR

Uma entrada feliz do jovem fafense 

O defesa esquerdo fafense Ricardo Ferreira que esta temporada se transferiu do SC Beira-Mar que ajudou a regressar aos aos campeonatos nacionais para o AC Marinhense do Campeonato de Portugal apontou um dos golos da sua equipa na recepção ao GDV Sernache, na concludente vitória por 5-1. 


Aos 22 anos Ricardo Ferreira continua a perseguir o seu sonho de chegar o mais alto possível no futebol juntando talento, trabalho e humildade para atingir os seus objectivos, e procura dar mais um passo com esta sua experiência ao serviço da equipa da Marinha Grande que milita na Série C do Campeonato de Portugal.

CDP: SC Maria da Fonte, 1 - AD Fafe, 1

REDAÇÃO

Fafenses estiveram em vantagem 

Foi assim que terminou a primeira deslocação de 2018/19 e, da mesma maneira, foi também assim que se fixou o resultado em 2019/20: empate a uma bola entre o SC Maria da Fonte e a AD Fafe, com os justiceiros a saírem novamente do Estádio dos Moinhos Novos com um ponto conquistado.

Porém, ao contrário do que aconteceu na época passada, desta vez foram os justiceiros que abriram o marcador e obrigaram o clube da casa a procurar a igualdade e, com isso, a oportunidade de pontuar.

Essa vantagem, que se manteve até ao segundo tempo, foi justificada com a entrada forte da AD Fafe na partida, com Jussane a rematar forte aos 4' e a ver o tento passar muito perto do poste da baliza adversária. Já se cumpria praticamente o primeiro quarto de hora quando o Maria da Fonte dispôs de um livre que, graças à defensiva fafense, não teve qualquer consequência.

Pouco depois, quando o relógio rondava os 16', cruzamento de Cláudio Ribeiro colocou a bola dentro da área dos visitados que, entre alguma confusão, colocaram a bola dentro da própria baliza, colocando então a AD Fafe à frente no marcador.

Avançamos para os 23' e, através de um canto, o Maria da Fonte procurou o empate mas, embora tenha resultado num cabeceamento forte, os homens da casa viram a bola passar longe do alvo pretendido.

Alguns minutos depois, voltam os fafenses a estar muito perto de marcar, com Cláudio a não chegar a uma bola cruzada dentro da área por muito pouco, onde teria encostado para uma maior vantagem no resultado.

A segunda parte foi de muita luta no meio campo, com poucas tentativas de lado a lado para finalizações, com ambas as defesas a conseguirem aliviar qualquer perigo que se tentava criar perto das respetivas áreas. Tiago Nogueira tentou, aos 61', surpreender o guarda-redes adversário com um forte remate, mas falhou o alvo ao enviar a bola por cima da trave.

Pouco depois, mais perigo criado pelos fafenses, com James a cobrar um livre que teve como resposta uma tentativa de remate de Cláudio, mas o esférico embateu no corpo de um jogador do Maria da Fonte. Aos 67', sinais de que a equipa da casa procurava com determinação o empate, com Fred Fangueiro a intervir de forma crucial, ao defender um livre que levava selo de golo para a baliza fafense.

Tentava o Maria da Fonte mas, aos 80', foi a AD Fafe que esteve muito perto de ampliar para 0-2 o marcador, quando Ferrinho ficou por milímetros de encostar a bola após mais um cruzamento ameaçador de Cláudio. No dito popular de que quem não marca sofre, uma falta a favor dos visitados resultou num forte remate que, aos 82', levou a bola (sem hipóteses para Fred Fangueiro) direta para dentro da baliza fafense.

Nos minutos finais, e agora com o empate estabelecido, foram os justiceiros que mais ameaçaram mas sem conseguirem criar nova oportunidade de relevo no que toca a recuperar a vantagem que detiveram durante grande parte do jogo.

Sem mudanças a registar, o 1-1 manteve-se até ao apito final da equipa de arbitragem, permitindo assim à AD Fafe pontuar neste arranque do Campeonato de Portugal 2019/20, focando-se agora nos trabalhos de preparação para a receção do próximo domingo ao Juv. Pedras Salgadas, no Estádio Municipal de Fafe.

sábado, 17 de agosto de 2019

Um golo e uma assistência de Tomané na vitória do Estrela Vermelha sobre o Subotica

TEXTO: JOÃO CARLOS LOPES / FOTO: DR

Fafense foi decisivo na partida 

O avançado fafense Tomané estreou-se a marcar ao serviço do Estrela Vermelha com um golo e uma assistência no jogo da 5.ª jornada do Campeonato Sérvio disputado no terreno do Subotica. 

A equipa do Estrela Vermelha estava a perder por 1-0 aos 6' tendo igualado aos 37'. Na segunda parte o fafense assistiu Simic para o 2-1 aos 49', a equipa do Subotica empatou aos 80'. para Tomané desfazer o empate e dar a vitória à sua equipa aos 84'.

O jogador tinha-se estreado na jornada anterior contra o Mladost, num jogo em que entrou aos 62' e a sua equipa ganhou 2-0 e nesta partida já jogou o tempo todo tendo sido decisivo para a vitória final. 

João Resende estreou-se com um hat-trick com a camisola dos juvenis do Benfica


TEXTO: JOÃO CARLOS LOPES / FOTO: DR

Fafense já está a justificar a contratação

O avançado fafense João Resende que esta temporada se transferiu dos juvenis do Vitória SC para o SL Benfica, estreou-se com um hat-trick com a camisola dos encarnados no jogo disputado no Seixal contra a equipa do Cova da Piedade. 

Resende, de 16 anos, não podia ter melhor estreia pelos encarnados mostrando o porquê de ser contratado neste defeso. 

Com passagem pela formação da AD Fafe e do Vitória SC o jovem jogador prossegue a sua aprendizagem no futebol ao serviço do Benfica e já mostrou ao que ia.      

Equipa do Arões SC no jogo contra o GD Prado da 1.ª Jornada do CPN


Equipa do GD Prado no jogo contra o Arões SC da 1.ª Jornada do CPN


Pró-Nacional AF Braga: Arões SC, 0 - GD Prado, 2 (Eficácia)

TEXTO E FOTOS: JOÃO CARLOS LOPES 

Faltou aproveitar as oportunidades criadas 

Apesar de não ter sido inferior ao GD Prado, o Arões SC estreou-se na temporada 2019/20 com uma derrota por 2-0, a qual se explica praticamente pela eficácia de uma e outra equipa, coma formação que viajou de Vila Verde a fazer valer a sua experiência e a ser mais dura que os aronenses na abordagem à bola.

Depois de um remate sem perigo para cada lado a primeira situação digna desse nome apareceu aos 18', para o Arões, com Paulinho a marcar um canto na esquerda para Zé Pedro de cabeça atirar ao lado. 

Seria o Prado a chegar à vantagem aos 29', com o veterano capitão Bruno Silva a aparecer isolado na cara de Joel a contorná-lo e a atirar para a baliza. 

Na resposta, aos 34', Gil rematou de primeira ao segundo poste para fazer brilhar Rúben. No minuto seguinte foi reclamada uma grande penalidade a favor do Arões por alegado derrube a Sebá na área. 

Na segunda parte o Arões investiu no ataque e aos 47', dispôs de um livre sobre a linha lateral da área que Pato cobrou mas a bola a não acertar na baliza. Aos 51', o remate de Sebá de longe saiu por cima. 

O Arões mantinha-se no ataque e aos 56', Agostinho tentou servir Sebá num lance que deu canto. Do mesmo cobrado por Lousada, Pato cabeceou para Diego tirar sobre a linha de golo. 

O Arões teve nova oportunidade aos 75', num cruzamento rasteiro de Paulinho a que Sebá não conseguir emendar junto à baliza. 

Aos 76' Lousada falhou o remate de primeira na área do Prado originando um contra-ataque dos forasteiros com Jota a isolar Cláudio que viu Joel adiantado e lhe fez um grande chapéu. 

O Prado ficou reduzido a dez aos 89' por acumulação de cartões de Sobrinho, mas nos cinco minutos de compensação o Arões não conseguiu reagir até porque o segundo golo desarmou por completo os aronenses. 

Um jogo que se resume à eficácia e matreirice da equipa do Prado que soube explorar algumas fragilidades de uma equipa do Arões ainda em construção mas que deu uma boa imagem nesta partida. 


Jogo no Campo da Formação para a Juventude de Arões.

Árbitro, Jorge Lemos, auxiliado por Emanuel Lobo e Vítor Ribeiro. 

ARÕES SC: Joel, Paulinho, Pato, Zé Pedro, Maurício, Rafa, Ferreira, Agostinho (Macedo, 65'), Sebá, Gil (korta, 65'), e Lousada (Marco, 78'). Treinador, Rui Novais.

GD PRADO: Rúben; Álvaro(Ruizinho, 80'), Diego, Rafa, Bruno Silva, Diogo (Ferreita, 73'), Jota, Ni, Sobrinho, Rafinha e Bonjardim (Cláudio, 67'). Treinador, José Nuno Azevedo. 
        

quarta-feira, 14 de agosto de 2019

Balanço francamente positivo da pré-época da AD Fafe com seis vitórias em 10 jogos

TEXTO: JOÃO CARLOS LOPES / FOTO: DR 

Boas expectativas para o jogo no terreno do Maria da Fonte 


Terminou hoje a pré-época da AD Fafe antes da deslocação à Póvoa de Lanhoso no próximo Domingo onde defrontará o SC Maria da Fonte para a 1.ª jornada do Campeonato de Portugal e apesar da derrota no derradeiro jogo de preparação em Santo Tirso por 1-0, o balanço da equipa fafense é francamente positivo com seis vitórias em 10 jogos. 

As derrota foram logo no primeiro jogo diante os Sub 23 do Famalicão numa altura em que os fafenses ainda estavam a construir o plantel e mais recentemente frente ao Lusitânia de Lourosa e neste último jogo frente ao Tirsense. 

A equipa mostrou evolução desde o primeiro jogo e é com uma expectativa muito positiva que as gentes de Fafe vão fazer a viagem curta até à Póvoa de Lanhoso para apoiar a equipa.

Menos positivo nesta pré-época foram os 13 golos sofridos contra os 14 marcados mas os nos jogos de preparação os treinadores fazem várias experiências e Ricardo Silva não fugiu à regra e isso deixa as equipas por vezes mais expostas. Contudo no campeonato o Fafe irá demonstrar que esse sector vais estar à altura das exigências.        


RESULTADOS DOS JOGOS DE PRÉ-TEMPORADA


D - AD Fafe, 0 - FC Famalicao (sub-23), 4

V - AD Fafe, 1 - FC Felgueiras, 0


V - Gondomar, 0 - AD Fafe, 2

V - CC Taipas, 2 - AD Fafe, 5

V - AD Fafe, 2 - Merelinense FC, 0

E - Pevidém, 1 - AD Fafe, 1

- AD Fafe, 1 - FC Felgueiras, 0 (Apresentação aos sócios)

D - Lusitânia de Lourosa, 4 - AD Fafe, 1

V - Beira-Mar, 0 - AD Fafe, 2

D - FC Tirsense, 1- AD Fafe, 0


Jogo de preparação: FC Tirsense, 1 - AD Fafe, 0

terça-feira, 13 de agosto de 2019

Super Enduro: Boas prestações de Rui Marinho e Gonzaga Silva em Mação

REDAÇÃO

Prova bastante técnica mas muito divertida de se fazer


Após o início do Campeonato Nacional Super Enduro – Lighthouse ocorrido em Fafe, a caravana deslocou-se para Mação, onde decorreu a 2.ª prova da modalidade (27-07-2019), que contou com a participação da equipa fafense dos Restauradores da Granja, na classe open, constituída por Gonzaga Silva #523 e Rui Marinho #33, numa prova com uma pista bastante técnica mas muito divertida de se fazer.

Nos treinos cronometrados Rui Marinho fez o 5.ª melhor tempo, o que lhe deu o lugar de arranque para a primeira final na 5.ª posição, acabando esta mesma final na 4.ª posição. Nas últimas duas finais Rui Marinho fez 3.º e 4.º lugares, respectivamente. A soma das três finais deu ao piloto fafense um brilhante 4.º lugar final a 2 pontos do 3.º lugar.

Já Gonzaga Silva, depois de fazer uma entorse nos treinos livres, foi da mesma forma à luta com o objetivo de pontuar visto que o pé não estava a permitir muito mais, arrancando para a primeira final da 7.ª posição da grelha. Arrancou bem e ainda andou duas voltas na 3.ª posição mas não conseguiu manter o ritmo e acabou por acabar a primeira final na 6.ª posição. Na segunda e terceira finais da noite, Gonzaga Silva acabou em 5º e 6º lugares, o que lhe deu um resultado final de 7.º lugar.

Resultados positivos para a dupla fafense da equipa dos Restauradores da Granja. No campeonato, Rui Marinho ocupa o 5.º lugar da geral e Gonzaga Silva a 7.ª posição.